• Diagnóstico, Controle e Prevenção de Doenças da Boca



O Futuro da Odontologia não está nos implantes, nos clareamentos ou nos tratamentos restauradores, e sim na prevenção. Desde sempre o Hospital da Face busca oferecer recursos técnicos para diagnóstico, controle e prevenção de doenças da Boca. Por isso que estamos na frente nesta corrida.

O Diagnóstico

hospital_da_face_diagnostico_oral

Contamos com uma equipe treinada e capacitada para os mais diversos tipos de situações clínicas. Uma vez agendada a avaliação, nossos profissionais irão proceder com um protocolo de 4 passos para seu diagnóstico:
1. Identificar a queixa do paciente interessado.
2. Análise minuciosa da situação clínica através de um exame intra-oral
3. Solicitar exames complementares (radiografias digitais, tomografias computadorizadas ou nosso exclusivo diagnóstico periodontal)
4. Estabelecer um plano de tratamento para toda e qualquer especialidade odontológica (sim, nós temos especialistas em TODAS as áreas). Muitas vezes, especialistas são chamados para auxiliar neste planejamento inicial.

Com isso, temos certeza, você terá um ótimo tratamento, direcionado para todas suas necessidades.

 

Controle e Prevenção

Para situações mais simples, ou pacientes já tratados, uma simples limpeza é a chave para manter a saúde por um longo prazo.

Acúmulo de tártaro acima da linha gengival, pigmentações por hábitos como tabaco, café, refrigerantes, etc, podem ser facilmente removidos. Assim, evita-se o acúmulo de placa bacteriana sobre os dentes, as gengivas, dentes e ossos permanecem saudáveis por muito tempo.

É recomendado esse controle periódico a cada 4, 6 ou 8 meses, conforme a indicação de cada paciente.

 

O que acontece se não prevenir?

Muito pode acontecer. Não queremos ser alamistas ou exagerados, mas uma boca sem cuidados é um alvo fácil para muitas doenças.

Quando a situação se agrava, e há uma doença estabelecida nos tecidos de suportes dos dentes, temos de usar dos conhecimentos de uma especialidade chamada de Periodontia ou Periodontologia. Todas as alterações periodontais têm início com a formação de placa bacteriana, seguida de gengivite (inflamação da gengiva) e, por fim, pela periodontite (infecção que abrange todas as estruturas de suporte do dente).

As doenças periodontais costumam ser as que mais atingem adultos, sobretudo os que estão acima dos 35 anos. Mais do que cáries, elas são o principal motivo da perda de dentes nessa faixa etária. Por isso é tão importante controlar e prevenir a formação de placas bacterianas.

Não deixe isso acontecer com você, agende agora uma consulta no Hospital da Face e veja como é fácil manter seu sorriso em dia!


Agende já sua consulta