• Blog

Como curar o medo de ir ao dentista?

09/10/2015 às 11:06
Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://www.hospitaldaface.com.br/como-curar-o-medo-de-ir-ao-dentista/): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/storage/f/11/e2/hospitaldaface/public_html/wp-content/themes/hospitaldaface/functions.php on line 224

Warning: First parameter must either be an object or the name of an existing class in /home/storage/f/11/e2/hospitaldaface/public_html/wp-content/themes/hospitaldaface/functions.php on line 226
0 comentários
Blog, Hospital da Face

Você tem fobia ou medo de ir ao dentista?

Marcar uma visita ao dentista pode não ser uma das tarefas mais fáceis para muitas pessoas.

O medo ou uma verdadeira fobia acaba afastando muita gente dos consultórios dentários, o que não é nada bom para a saúde bucal. Elas temem que os procedimentos odontológicos causem dor, não se sentem confortáveis com os ruídos, anestesias, produtos utilizados etc. Esse transtorno precisa ser controlado, caso contrário, terão uma redução significativa em sua qualidade de vida com dores de dente, problemas estéticos relacionados aos dentes, etc.

Medo x Fobia

A maioria das pessoas que sente medo de ir ao dentista costuma explicitá-lo logo no início da consulta. Elas avisam sobre o desconforto e o próprio corpo demonstra isso através de sinais como mãos tensas, pés que não param de se mexer, coração acelerado e sobressaltos a cada movimento não esperado do dentista. Esse medo até certo ponto é considerado um sentimento normal, porém medo é diferente de fobia.

A fobia é um transtorno de ansiedade, um medo intenso e repetitivo, uma aversão sem base racional a alguma situação, objeto, lugar, etc.

Segundo estudos, atinge 2,8% das pessoas ao longo da vida e requer tratamento, o medo não.

Quais são os tratamentos mais assustadores para os pacientes?

Os procedimentos mais temidos pela maioria das pessoas são as extrações e os tratamentos de canal.

O tratamento de canal sempre foi associado à dor, mas o que os pacientes precisam entender é que a causa do sofrimento tem origem na inflamação ou infecção a ser tratada e o procedimento acabará com essa dor. Ele não é a causa e sim a solução.

Como cuidar dessa fobia?

A fobia, os transtornos de ansiedade podem e precisam ser tratados. Só assim, as visitas ao dentista não serão mais adiadas e os problemas bucais deixarão de ser negligenciados, em muitos casos até ao ponto de ocorrer um agravamento do quadro.

Algumas técnicas de relaxamento e métodos terapêuticos auxiliam no tratamento da fobia. Eles regulam uma série de substâncias químicas do nosso organismo, inclusive a adrenalina e podem ajudar a reduzir os níveis de hormônios do estresse, bem como dor e ansiedade.

Algumas técnicas de relaxamento eficazes

Imaginação guiada

Trata-se de uma técnica mental simples guiada por um psicólogo. O profissional ajuda o paciente a se imaginar em uma experiência agradável ou em um local tranquilo descrevendo-o com o máximo de detalhes mentais possíveis, assim conseguirá distraí-lo para que ele permita a execução dos procedimentos.

Respiração profunda

Essa técnica envolve uma respiração lenta e profunda, também conhecida como respiração diafragmática. Este tipo de respiração relaxa o sistema nervoso central e ajuda a reduzir o desconforto.

Relaxamento progressivo

O relaxamento progressivo é uma técnica que associa a imaginação guiada e a respiração profunda. Ela reduz a tensão muscular, o que pode ajudar a reduzir a dor, entretanto é necessário disciplina e o acompanhamento de um profissional para executar o procedimento regularmente.

 

Hipnose

A técnica de hipnose proporciona um profundo estado de relaxamento, seus efeitos se assemelham aos da meditação. Alguns pacientes conseguem realizá-la por conta própria, porém a maioria precisa de um profissional qualificado até estar apto a realizar o procedimento sozinho.

Terapia

Os profissionais qualificados (psicólogos e psiquiatras) costumam utilizar uma técnica chamada dessensibilização sistemática para que os pacientes possam superar uma fobia. O tratamento consiste em expor de forma gradual, controlada e cuidadosa, os pacientes a algumas das situações que eles temem. E com acompanhamento se mostra bem eficiente contra a fobia de dentista.

Outros tipos de terapia que podem ser utilizadas são a cognitiva e a comportamental, entre inúmeras técnicas de relaxamento.

Supere os seus medos e cuide da sua saúde bucal!

Agende uma visita conosco!

Comentários