• Blog

    • Início BlogClareamento dental e autoestima: como esse tratamento dentário pode te ajudar

Clareamento dental e autoestima: como esse tratamento dentário pode te ajudar

20/10/2017 às 9:49
Warning: file_get_contents(https://graph.facebook.com/?ids=http://www.hospitaldaface.com.br/clareamento-dental-e-autoestima-como-esse-tratamento-dentario-pode-te-ajudar/): failed to open stream: HTTP request failed! HTTP/1.1 400 Bad Request in /home/storage/f/11/e2/hospitaldaface/public_html/wp-content/themes/hospitaldaface/functions.php on line 226

Warning: First parameter must either be an object or the name of an existing class in /home/storage/f/11/e2/hospitaldaface/public_html/wp-content/themes/hospitaldaface/functions.php on line 228
0 comentários
Blog

Quem nunca se olhou no espelho e não gostou de alguma coisa que viu? Com tantas referências de beleza circulando em propagandas, filmes e na internet, não é difícil achar alguma parte do corpo que não esteja dentro dos padrões impostos. Uma forma de dar um up na autoestima e ganhar mais confiança é com o clareamento dental. Por ser uma técnica pouco invasiva e que gera resultado rapidamente, esse tratamento tem tudo para ser uma ótima solução! A seguir, falaremos um pouco mais sobre o assunto. Saiba mais!

Todo mundo pode fazer o clareamento dental?

A princípio, pessoas que não sejam fumantes, alcoólatras, gestantes, lactantes ou portadoras de algumas doenças específicas estão aptas a fazer o clareamento dental. O mais indicado é que o odontologista seja informado sobre a saúde bucal e geral do interessado no tratamento para que ele possa avaliar se a pessoa está apta ou não a fazer o procedimento.

Além disso, há alguns tipos de manchas que, infelizmente, não saem com o clareamento dental, como aquelas causadas pelo uso de antibióticos da família da tetraciclina (o escurecimento dependerá principalmente da forma como o medicamento interferiu na cor do dente), pela fluorose dental e por determinados tipos de trauma, os quais exigirão uma abordagem diferente.

Caso a mancha tenha sido provocada por colorantes de alimentos, por formação de placa ou pelo desgaste natural do esmalte, o clareamento costuma produzir os resultados esperados.

Como o clareamento dental é feito?

O clareamento dental pode ser feito sob três orientações diferentes: de forma caseira, somente no consultório ou com sessões no consultório e em casa. Os produtos usados e a quantidade aplicada dependerão da opção escolhida.

Caseiro

Para o tratamento em casa, geralmente os odontologistas recomendam o uso do peróxido de carbamida a 10% para ser aplicado com um molde de silicone pelo paciente durante a noite. Ele deve deixar o peróxido agir entre 6 e 8 horas, evitando o contato do produto com as partes moles (gengiva, língua etc.).

O sucesso do clareamento dental, nesse caso, estará sujeito às atitudes tomadas pelo paciente, que precisará fazer tudo conforme foi orientado e também deverá notificar o dentista em caso de sensibilidade nos dentes e de outras ocorrências que surgirem.

No consultório

O clareamento no consultório odontológico é realizado integralmente sob o controle do dentista. Nessa situação, o produto escolhido é geralmente o peróxido de hidrogênio a 35%, que é mais concentrado e, por isso, traz o resultado mais rápido. Por ser mais forte, somente o odontologista pode aplicá-lo, já que demandará a realização de ações cronometradas e o uso de equipamentos específicos.

Em casos de escurecimento mais acentuado dos dentes, é possível que o clareamento dental seja realizado em mais de uma sessão.

Misto (consultório e em casa)

Nesse caso, para a obtenção de resultados mais satisfatórios, a primeira sessão do clareamento dentário deve ser feita no consultório, com a adoção de recursos mais potentes, como o peróxido de hidrogênio a 35% e de equipamentos que auxiliem na reação química que promove o clareamento. As demais sessões são feitas em casa pelo próprio paciente, conforme descrito anteriormente.

É importante frisar que, independentemente da metodologia empregada, a ida semanal ao dentista é essencial durante o tratamento para que ele possa medir o avanço do clareamento e também para que avalie a boca do paciente e saiba se o procedimento está trazendo os benefícios esperados.

Sorria para si mesmo

Por ser pouco invasivo, o clareamento dental pode ser o primeiro passo no caminho de fazer as pazes consigo mesmo. Os resultados deste tratamento têm o potencial de elevar a autoestima e de impulsionar a vontade de ver e ser visto.

Quer mais informações sobre o procedimento? Assista ao vídeo que o Hospital da Face produziu sobre o procedimento e se quiser tirar mais dúvidas, agende uma consulta conosco!

Você também vai gostar de:

  1. Quando realizar o clareamento dos dentes?
  2. Mitos e verdades sobre o clareamento dental
  3. Dentes de porcelana ou clareamento dental? Qual o melhor?

Comentários